Uma Simpática Síndrome

scr

HISTÓRIA CLÍNICA

M.S.S.,57 anos, sexo feminino, natural e procedente de Salvador-Ba, aposentada, queixa-se de dor em MIE há 1 semana.

Paciente relata que há aproximadamente 1 semana do internamento apresentou quadro de fadiga, hiporexia e febre. Posteriormente passou a apresentar dor intensa em tornozelo e pé esquerdo, em queimação, associado a edema, hiperemia, aumento da sudorese local e dificuldade de mobilização de extremidade de MIE. Relata que fez uso de analgésicos comuns e opióide(Tylex) sem melhora. Sem outros sintomas. DM há 4 anos, em uso regular de Glicazida,Acarbose e Metformina. HAS há 2 anos em uso regular de Losartana e Atenolol. Dislipidemia em uso de Sinvastatina. Passado de IAM há 8 meses da admissão,sendo submetida a angioplastia. Passado de CA de mama há 23 anos, submetida a mastectomia radical

EXAME FÍSICO ( DADOS POSITIVOS); Bom estado geral e bom estado nutricional, lúcida e orientada no tempo e espaço, hidratada, mucosas hipocrômicas 1+/4, afebril ao toque, anictérica, acianóticaDados Vitais: FC: 86 bpm,ritmico; FR: 18  irpm; PA: 110×70 mmHg;Tax.36,8ºC           Edema MIE ++/4+,principalmente em maléolo; extremidade úmida e quente a palpação

Hipóteses  diagnósticas?

Qual a conduta frente a esse caso?

Qual medicação inicial?

Algum exame complementar?

 

Discussão deste caso no post    Mudando a direção do pensamento.

FacebookTwitterGoogle+