Taquicardia Ventricular

 

heart_25

 

Conclusão do post Analógica ou Digital?  por  Dr Fábio Soares; médico cardiologista/ecocardiografista.

 

Taquicardia com complexo QRS alargado é definida como taquiarritmia com duração do QRS superior a 120ms.

A duração do QRS é prolongada devido a três possibilidades:

 
1) Ativação ventricular se inicia no miocárdio ventricular com ativação passiva ou retrógrada do sistema His- Purkinje (ex. taquicardia ventricular ou taquicardia antidrômica).

 
2) Ativação ventricular se inicia de forma ortodrômica, por intermédio do sistema His-Purkinje, mas com atraso da condução ou com bloqueio de um de seus ramos (ex. taquicardia supraventricular com aberrância).

 
3) Ativação ventricular ocorre de maneira concomitante pelo sistema His-Purkinje e por via acessória manifesta (ex. fibrilação atrial pré-excitada).

 
O algoritmo de Brugada determina a avaliação de quatro critérios ordenadamente para definição do diagnóstico diferencial de taquicardia ventricular e taquicardia supraventricular com
aberrância, são eles:

 
1 Ausência de complexo RS em todas as derivações precordiais –> critério presente neste ECG
2 Intervalo RS em qualquer precordial > 100 ms. Deve ser medido do início da onda R até o nadir da onda S. –> ausente
3 Presença de dissociação atrioventricular –> ausente
4 Critérios morfológicos de taquicardia ventricular presentes em ambas as derivações precordiais V1 e V6.–> presente

 
Pelos critérios de brugada a resposta seria Taquicadia Ventricular

Existem ainda outros sinais sugestivos de TV: padrão de BRE com eixo desviado para além de +90º e duração do QRS >160ms

 

Utilizando os critérios de Vereckei:
1- Presença de onda R inicial na derivação aVR –> ausente neste ECG
2- Presença de onda r ou q com duração > 40ms em aVR –> presente
3- Presença de incisura na porção descendente de complexo QRS, quando este é predominantemente negativo em aVR –> ausente
4- Índice comparativo da velocidade de ativação da porção inicial e final do QRS (vi/vt) –> ausente

Diagnóstico: Taquicardia ventricular

 

FacebookTwitterGoogle+